Santidade, nossa principal chamada - Parte Final

July 17, 2017

Ministração de célula- semana  17 a 23 de julho de 2017

 

“Portanto, cingindo os lombos do vosso entendimento, sede sóbrios, e esperai inteiramente na graça que se vos ofereceu na revelação de Jesus Cristo. Como filhos obedientes, não vos conformando com as concupiscências que antes havia em vossa ignorância. Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver. Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.” (I Pedro 1:13-16)

 

Santidade é a nossa principal chamada e também o nosso grande desafio na vida cristã, pois a ordem é para sermos santos em toda a nossa maneira de viver. Falar de santidade ou ensinar sobre o assunto é bem diferente de viver em santidade. Nossa posição como filhos de Deus é andar em santidade, vivendo uma realidade bem diferente daquela que o mundo nos oferece. Nas igrejas, muito se ouve sobre santidade e creio que muito ainda precisamos ouvir. Tudo aquilo que Deus permite que aprendamos é para que seja usado em nossas vidas e para formar em nós um caráter mais sólido nEle.

 

Nesse processo, alguns comportamentos não podem faltar na vida do cristão comprometido em ser santo e agradar o coração do Pai.

 

1. SER SANTO EM TODA A MANEIRA DE VIVER

Deus é Santo e devemos ser santos como Ele, em toda a nossa maneira de viver. Viver em santidade não pode ser um jugo religioso, mas experimentar da graça de Jesus, que nos possibilita viver as realidades divinas, a partir de uma decisão pessoal.

 

2. CINGIR OS LOMBOS DO ENTENDIMENTO

Cingir os lombos do nosso entendimento, com santidade, é compreender que mais do que Deus querer que sejamos santos, nós podemos ser santos, mas isso só é possível quando conhecemos a verdade que liberta.

 

3. SER SÓBRIOS

Andar em sobriedade nos ajuda a viver em santidade. Na vida, precisamos de equilíbrio, de entendimento correto sobre as situações que se nos apresentam. Uma pessoa sóbria é aquela que só aceita um tipo de embriaguez em sua vida, a embriaguez do Espírito.

 

4. ESPERAR INTEIRAMENTE NA GRAÇA

Vivemos o tempo da graça; não estamos mais sob a lei. Jesus nos trouxe essa poderosa revelação. Mas, para viver este tempo da graça, é necessário termos intimidade com o Senhor, porque sem intimidade não compreendemos essa revelação tão extraordinária.

 

5. FILHOS OBEDIENTES

Se dizemos que somos santos, devemos obedecer. A obediência é uma condição necessária para os que desejam andar em santidade. Obedecer está para além de concordar, está tão-somente para obedecer, para exercer a disciplina de fazer o que é certo mesmo contra a nossa vontade. Andar em santidade é se mover pela força da obediência.

 

6. NÃO SE CONFORMAR COM A CONCUPISCÊNCIA DA CARNE

Concupiscência é desejo incontido. Na luta pela santidade, não podemos nos conformar com os desejos exacerbados da alma, desejos carnais que nos afastam de Deus. A chamada é de santidade! Então, não cabe justificar falhas, cabe corrigi-las, entendendo que Deus nos escolheu para que sejamos santos e isso envolve um novo padrão, um novo estilo de vida.

 

VIVA EM SANTIDADE

Ser santo é uma condição para quem é filho de Deus. E, se somos filhos de Deus, devemos possuir a mesma natureza de Deus, o mesmo DNA de Deus. Um dia, Paulo disse: “Sabendo que não foi com coisas corruptíveis, como prata ou ouro, que fostes resgatados da vossa vã maneira de viver que por tradição recebestes dos vossos pais. Mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado... Purificando as vossas almas pelo Espírito na obediência à verdade, para o amor fraternal, não fingido; amai-vos ardentemente uns aos outros com um coração puro. Sendo de novo gerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela palavra de Deus, viva, e que permanece para sempre.” (I Pedro 1:18,19,22,23)

 

O que Deus quer para nossa vida é que sejamos, a cada dia, conduzidos a um novo nível de santidade. E, na chamada da santidade, o fundamental é viver um relacionamento íntimo com Ele, pois quando nos relacionamos intimamente com o Senhor, estabelecemos a verdade de quem somos em Deus e para o mundo.

 

É preciso ser santo e andar em santidade em todo tempo, diariamente. Viver em santidade deve ser para nós como uma necessidade básica, fundamental, indispensável, um combustível para o dia a dia. Então, conseguiremos caminhar manifestando santidade, através de uma vida pura, sem mácula, sem maldade. Como filhos de Deus, vamos viver em santidade, entendendo que somos separados pelas mãos do Criador. Ele nos formou para o louvor da Sua glória e viveremos a manifestação da Sua presença. Um filho de Deus santo é preparado, adequado a tudo que o Senhor confia em suas mãos. Vive os desafios da santidade, aceitando a realidade de que a sua vida é um exemplo EM TUDO e que, EM TUDO, precisa estar santificado.

 

Somos a escolha do coração de Deus para viver essa vida de santidade. Nesta obra para a qual Ele nos separou, daremos o nosso melhor. Marcaremos a nossa geração, pela santidade.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • unnamed
  • Flickr Social Icon
  • YouTube Social  Icon
dízimos e ofertas

BANCO DO BRASIL 
Agência: 1887-2
Conta corrente: 7750-X


CNPJ: 02154477000157
Primeira Igreja Batista
Independente do Setor P-Sul

siga a ibpaz
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
pedidos de oração

© 2018 IBPAZ - Igreja Batista da Paz. Desenvolvido por Agência Metanoia