Cuidando dos outros

February 6, 2017

Ministração de Célula – 06 a 11 de fevereiro de 2017.

 

Texto: 1 Timóteo 5:8

“Mas, se alguém não tem cuidado dos seus e principalmente dos da sua família, negou a fé e é pior do que o infiel.”

 

O tema este ano é: “Família, Plano Divino para reformar as geografias”. Esse texto nos leva a pensar em um princípio fundamental para que nossas famílias possam encontrar a cura que precisa.
 

O verbo “Cuidar” nos traz à ação de estar perto; de se atentar para; meditar com ponderação; prestar atenção. A falta do cuidado leva ao abandono.

 

A nossa sociedade tem vivido a síndrome do abandono. Deus fez a família a partir do cuidado. Quando o cuidado é negligenciado, entra os traumas da insegurança, e do medo.
 

            O abandono pode ser físico, emocional, espiritual.

  1. Físico. O estar perto fisicamente é muito importante nos relacionamentos familiares. O contato “olho no olho” traz segurança para todos os membros da família. Os cônjuges precisam estar em unidade. Os pais precisam suprir os filhos com uma presença que traz aconchego, disciplina, segurança. Os pais idosos precisam do acompanhamento dos filhos. Não podemos descuidar a nossa presença com a família. Sei que a correria em nossos dias é muita, porém, precisamos administrar nosso tempo, para ter um tempo de qualidade com nossa família. Suprir as necessidades básicas de uma família, também é uma tarefa primordial do contato físico. Vejo muitas crianças, adolescentes e jovens passando por necessidades básicas por causa do abandono dos pais nessa área. Todo abandono abre lacunas na alma. O divórcio é um abandono. A falta do reconhecimento do pai ou da mãe é um abandono que muitas vezes é irreparável. Em Mateus 1:23, o anjo, aparece em sonho para José, que tinha o plano de fugir e deixar Maria, mãe de Jesus. E o anjo revela a José o nome do menino que haveria de nascer: Emanuel, Deus conosco. Jesus iria nascer, e com certeza, ele precisaria de um pai para cuidar dele. Deus se revelou a José ensinando-o o principio do cuidado. Jesus veio para nos ensinar esse princípio, sendo Ele mesmo o nosso cuidador e que jamais nos abandonaria. “Mesmo que seu pai ou sua mãe lhe esqueçam, eu, porém, não o esquecerei.” Glória a Deus!
     

  2. Emocional. Cuidar das emoções uns dos outros é uma responsabilidade baseada em amor e comprometimento. Saber ouvir uns aos outros é muito importante. Ouvir com atenção o que se diz, sendo que o ouvir pode ir além. “Ouvir”, o silêncio, o comportamento, o choro. Ter paciência. Obedecer, pai e mãe. Saber fazer a leitura das estações que cada um tem passado. Não se envolver em adultério. A lista é enorme. Como você pode ajudar seu cônjuge, seus pais, seus filhos, seus sogros emocionalmente?
     

  3. Espiritual. O ensino da Palavra de Deus, e não somente ensinar, mas praticá-los. Tem muitos filhos abandonados na intercessão. Tem muitos cônjuges abandonados na oração e no jejum. Praguejamos, mas não dobramos nossos joelhos em intercessão. O nosso exemplo diante das circunstâncias é o nosso maior ensino. Gere santidade dentro do seu lar, sendo você pai, mãe ou filho. A mulher santa santifica seu lar. O marido santo santifica seu lar. E ambos, em santidade, santificam seus filhos.

Se o cuidado for desprezado dentro dos nossos lares, nós negaremos a fé. A fé é necessária em nosso relacionamento com Deus. Sem fé é impossível agradar a Deus. Quem não tem fé é um incrédulo, mas o texto diz que quem não cuida dos seus se torna pior que um incrédulo. Que terrível isso!!
 

O cuidado cerca as pessoas de nossa família de amor, de perdão, de respeito e fidelidade.
 

Cure as nossas famílias Senhor Jesus.

Amo a Família Batista da Paz. Beijoca no coração.

Apóstola Neme Célia Ribeiro.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • unnamed
  • Flickr Social Icon
  • YouTube Social  Icon
dízimos e ofertas

BANCO DO BRASIL 
Agência: 1887-2
Conta corrente: 7750-X


CNPJ: 02154477000157
Primeira Igreja Batista
Independente do Setor P-Sul

siga a ibpaz
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
pedidos de oração

© 2018 IBPAZ - Igreja Batista da Paz. Desenvolvido por Agência Metanoia